Instituto Superior Técnico

Área de Graduação

Perguntas Frequentes

Candidaturas – Ano Letivo 2019/2020 (1ºCiclo)

Estudante Internacional

Quem se pode candidatar como estudante internacional?

Todos os candidatos que não sejam detentores da nacionalidade portuguesa ou de um outro estado da UE. Ou seja, é requisito para ser considerado estudante internacional e aceder a esta candidatura não se incluir nas seguintes categorias legais;

a) Não ter nacionalidade portuguesa ou de um outro país da União Europeia

b) Não ser familiar (1) de portugueses ou de nacionais de um estado membro da União Europeia.

c) Não residir legalmente em Portugal há mais dois anos, de forma ininterrupta, à data de 1 de Janeiro, do ano da candidatura, nem ser filho(a) a residir legalmente com pais que se encontrem nessa situação (sendo que a autorização de residência para estudos no ensino superior não releva para este efeito).

d) Não ser detentor(a), à data de 1 de janeiro do ano da candidatura, do estatuto de igualdade de direitos e deveres atribuído ao abrigo de tratado internacional outorgado entre o Estado Português e o Estado de que sou nacional.

Os candidatos  a um 1º ciclo de estudos que se enquadrem nas situações descritas nas alíneas de a) a d ) não são considerados estudantes internacionais devendo o seu acesso ao ensino superior decorrer através da DGES.

 

De referir ainda que o tempo de residência para estudo não conta para efeitos de permanência em Portugal com autorização de residência legal no quadro da alínea c).

Em que condições?

Estudantes que no seu país de origem sejam titulares da habilitação completa e necessária para aceder ao ensino superior desse país e atestem com os respectivos certificados de conclusão/diplomas a posse dessa habilitação.

Titulares de um diploma do ensino secundário português ou de habilitação legalmente equivalente, atribuída por uma Escola Secundária ou pelos serviços competentes do Ministério da Educação. (informação mais detalhada aqui).

A que cursos  (de 1º ciclo) me posso candidatar?

A cursos de Licenciatura ou a um 1º ciclo de um curso de Mestrado Integrado (conforme tabela exposta com os cursos/vagas).

Como posso utilizar as provas do ENEM?

Os candidatos de nacionalidade brasileira podem candidatar-se a um curso de Licenciatura ou de Mestrado Integrado do IST desde que tenham concluído com sucesso as provas ENEM, realizadas nos últimos dois anos, nas disciplinas/matérias equiparadas às provas de ingresso requeridas em Portugal para o acesso ao curso a que se candidatam.

As provas de ingresso nacionais exigidas para acesso ao Ensino Superior, por curso, podem ser consultadas entrando no plano do curso e abrindo o link Regime de Acesso.

Quais os documentos que devo a anexar à candidatura?

Se ainda não frequento o Ensino Superior no país de origem:

  • a) Certificado de conclusão de estudos que descrimine as disciplinas e notas obtidas nesse ciclo de estudos e/ou comprovativo de que o ciclo estudos permite o acesso ao ensino superior, por exemplo, documento que ateste as provas ENEM realizadas.
  • Se já frequento um curso de Ensino Superior no país de origem:
  • b) Certificado de Aproveitamento, com classificações descriminadas, emitido pela instuição de ensino superior de origem.
  • c) Comprovativo da Escala de Avaliação académica emitido pela instituição de ensino que frequenta.
  • Documentos necessários para todos os candidatos:
  • d) Foto
  • e) Documento de identificação
  • f) Declaração sobre compromisso de honra em como não tem nacionalidade portuguesa
  • g)  Comprovativo de pagamento do emolumento de candidatura

Os documentos académicos devem ser visados pelo serviço consular português ou apresentados com a aposição da Apostila de Haia.

Esta descrição não despensa a leitura do Regulamento de Acesso e Ingresso de Estudantes Internacionais aos 1º, 2º e 3º Ciclos do Técnico.

Voltar ao topo ↑

O que é a Escala de Avaliação?

Deve ser apresentado pelo candidato o comprovativo da escala de avaliação (emitido pela respectiva instituição de ensino)  no caso da a avaliação utilizada nesse país ser de 0 – 5 ou de 0 – 10, ou outra. Em Portugal a escala de avaliação utilizada é de 0 – 20.

Qual o valor do emolumento de candidatura?

100 €

Como posso efetuar o pagamento do emolumento de candidatura?

Por Transferência Bancária (deve identificar o primeiro e último nome do candidato) – pagamento para candidatos que se encontrem fora de Portugal, cujos dados são os seguintes:

Banco Santander Totta S.A. – Agência do IST
IBAN: PT50 0018 000344000867020 17
BIC/SWIFT: TOTAPTPL

Por Referência Multibanco (SIBS) nos ATM’S – este meio de pagamento deverá ser utilizado para candidatos residentes em Portugal, os dados para este pagamento estão disponíveis no processo individual de candidatura.

O emolumento de candidatura é reembolsável?

Não.

Qual o valor da propina anual?

7000 €

Mestrado em Ordenamento do Território e Urbanismo a propina é 2400€ (anos letivos 2017/2018 e 2018/2019) de acordo com a Deliberação do Conselho Geral da Universidade de Lisboa de 28 de setembro de 2017).

Como se processa o pagamento da propina anual?

30% pagos na Pré-Inscrição e os restantes 70% pagos em duas prestações (35% cada), a primeira até 15 de março e a última até 31 de maio.

Como posso esclarecer dúvidas?

Lendo atentamente toda a informação disponibilizada na página da candidatura.

 Candidatura Online